Cariri

01. Sertão

Zona da Mata

Agência Regional de João Pessoa

  • População estimada 905.268 71% é urbana.
  • Estima-se que a região consome com produtos e Serviços mais de 11 bilhões por ano
  • 50% dos negócios estão no Comércio e nos serviços.
  • Alimentação, Casa , saúde, vestuário e veículos são as principais categorias de consumo da região.
  • Patos é 3ª maior cidade com potencial de consumo do Estado.

Potencial dos Grandes Investimentos na região geram oportunidades de bons negócios

• Transposição do Rio São Francisco;
• Exploração de Energia Eólica e Fotovoltaica:
• Polos de Educação;
• Polo de Saúde em Patos;
• Patos Shopping.

Vocação Regional aponta a especialidade da região e sua mão-de-obra naquela atividade.

• Construção;
• Comércio, reparação de veículos automotores e motocicletas;
• Educação;
• Industria de Transformação;
• Agricultura, pecuária, produção florestal, pesca e aquicultura;
• Alojamento e alimentação;
• Informação e Comunicação ;
• Saúde.

Destacamos a cadeia da Construção que traz uma série de oportunidades para novos negócios e que sofreu nos últimos anos, mas que apresenta uma forte tendência pós-crise. Fonte Observatório Sebrae/PB.

Mapa

Fabricação de Queijos Gourmet 2/11

Cariri

Dicas para inovar —

Recentes pesquisas com consumidores tem mostrado que, mesmo em períodos de crise econômica, o setor de alimentos em geral mantém crescimento e resiste. E o mercado de alimentos gourmet tem se mostrado como um dos responsáveis por essa resistência.

Os queijos lançados no mercado como gourmet estão inseridos em linhas de produtos inovadores e finos, que possuem ingredientes especiais em suas receitas. Eles proporcionam ao consumidor uma experiência de sabor mais atenuado e personalidade em aromas.

A produção de derivados gourmet é inclusive uma das principais tendências de alimentos definidas pelo Brasil Food Trends 2020, que destaca a importância da sensorialidade e do prazer para os consumidores.

DICAS PARA EMPREENDER

Este nicho é uma oportunidade para pecuaristas de leite que desejam montar um laticínio em sua fazenda e cooperativas de processamento de produtos do leite que desejam ampliar os negócios e aumentar a lucratividade oferecendo produtos de alto padrão.

O público-alvo desse tipo de empreendimento é composto por consumidores bem informados, exigentes e que desejam experiências diferenciadas de paladar. Portanto, para conquistar e manter esse tipo de cliente as empresas precisam encontrar argumentos fortes para convencer o consumidor a investir em seu produto. Isso porque os alimentos gourmet são mais caros que os tradicionais, e essa diferença no bolso precisa ser compensadora.

Como a qualidade do leite é fundamental, é recomendável que não se utilize leite industrializado, mas sim o que seja adquirido diretamente do produtor.  O leite industrializado pode ter sido modificado, visando sua conservação, além de correr o risco de adulteração criminosa.

O Ministério da Agricultura juntamente com a Anvisa estabelecem normas e técnicas para fabricação de queijos e a obediência a essas normas tem como resultado um produto saudável e de qualidade, que será comercializado de forma eficiente promovendo aumento de vendas e expansão do negócio.

Para mais informações, acesse:

https://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/ideias/como-montar-uma-fabrica-de-queijo-artesanal-coalho-e-manteiga

https://sis.sebrae-sc.com.br/produtos/relatorios-de-inteligencia/derivados-gourmet/

Receber essa ideia por e-mail