Borborema

04. Zona da Mata

Mapa

Agência Regional de João Pessoa

  • População estimada 1.533.702 91% é Urbana.
  • Estima-se que a região consome com produtos e Serviços 25 bilhões por ano.
  • 48% dos negócios estão na prestação de Serviços.
  • Alimentação, manutenção do lar e gsatos com veículos são as principais categorias de consumo da região.
  • João Pessoa concentra 65% as principais atividades da região.

Potencial dos Grandes Investimentos na região geram oportunidades de bons negócios.

• Polos de Educação.
• Polos de Tecnologia.
• Polos de Saúde.
• Polo de Eventos e Turismo.

Vocação Regional aponta a especialidade da região e sua mão-de-obra naquela atividade.

• Construção;
• Comércio, reparação de veículos automotores e motocicletas;
• Educação;
• Alimentação e hospedagem;
• Arte ,cultura, esporte e recreação;
• Informação e Comunicação;
• Saúde humana e Serviços Sociais

Região metropolitana concentra o maior volume do potencial do consumo do Estado e detém muitas das demandas relacionadas a serviços.

Mapa

Centro de yoga, qualidade de vida, e autoconhecimento 14/51

Cariri

Dicas para inovar —

A procura por produtos e serviços ligados às filosofias orientais cresce vertiginosamente. A vida agitada das grandes cidades fez com que as atividades do dia a dia virassem motivo de estresse. A rotina mecânica e rápida vem causando um distanciamento do homem do seu Eu, da natureza e das questões mais subjetivas do ser. Com uma orientação para a elevação e a troca com o meio ambiente, as filosofias e terapias orientais têm sido amplamente buscadas pelas pessoas que procuram mais qualidade de vida através da tranquilidade e do equilíbrio mental e corporal.

Esta realidade tem estimulado os mais diferentes tipos de negócios. Entre eles, os centros de estudos que reúnem pessoas em palestras, cursos, workshops e discussões em torno desses mandamentos orientais apresentam-se como uma oportunidade.

DICAS PARA EMPREENDER

Dois caminhos são possíveis aos empreendedores que optarem por esse modelo de negócio. O primeiro é abrir um espaço que receba as pessoas para as palestras e cursos, agregando uma clínica para atendimento. O outro é trazer o conteúdo virtualmente, na internet, dando oportunidade a um público muito mais amplo e de diferentes localidades. Na verdade, os dois modelos podem seguir juntos, diferenciando ainda mais sua empresa.

Para quem optar por montar um modelo físico, invista em um lugar amplo e agradável. O local deve ter estrutura para comportar os cursos, mas deve seguir a linha alternativa, por exemplo, com o público sentado em Mats (tapetes para a prática de Yoga). Lembre-se que as cores do ambiente devem proporcionar tranquilidade. Invista em jardins com plantas naturais, fontes de água, som ambiente e iluminação adequada.

Dentro da sua grade ofereça o curso de formação e autoconhecimento em Yoga, Tai Chi Chuan, meditação, mitologia Hindu, mantras, Ayuveda, massagem indiana. Já para os atendimentos clínicos oferte pilates, aulas de Yoga para diversos públicos (gestantes, terceira idade), homeopatia, aromaterapia, acupuntura, entre outros. Nessa oportunidade, seja qual for a escolha é preciso se preparar para adentrar num mercado especifico, ou contar com profissionais capacitados nas áreas sugeridas. Para diminuir custos, conte com parcerias com especialistas que já atuem no setor. Geralmente o serviço é pago através de um acordo de percentuais, parte vai para o profissional e parte fica com o proprietário do centro.

Para mais informações, acesse:

https://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/ideias/como-montar-uma-clinica-de-terapias-orientais

 

Receber essa ideia por e-mail